sexta-feira, 15 de abril de 2011

Casa de Apoio ao Irmão c/cancer Barretos-anexo da CCB

Barretos, interior do Estado de São Paulo, inicialmente, “Casa de Apoio” e depois “Anexo à Congregação Cristã no Brasil”.

Com 130 leitos, 120 atendimentos, entre pacientes e acompanhantes, em média 200 refeições por dia, e mais de 100 (cem) Irmãos voluntários, esta obra nos enche de satisfação!

Há oito anos, para atendimento aos Irmãos e seus acompanhantes que se dirigiam à Cidade de Barretos, para tratamento no Hospital de Câncer, a Congregação, inicialmente, alugou 01 imóvel que passou a ser chamado de “Casa de Apoio”.

Como o local ficou pequeno, não comportando a todos que necessitavam desta ajuda, foram alugados mais 02 imóveis.

Posteriormente, para melhor acomodar aos nossos Irmãos a igreja comprou uma área, próximo ao Hospital de Câncer de Barretos - Rua Braulino Maria Barbosa, 1.151, Dr. Paulo Prata, Barretos - e construiu um alojamento, para os Irmãos em tratamento e seus acompanhantes. 





Este alojamento, entregue há 03 anos, por questões estatutárias, passou a ser chamado “Anexo à Congregação Cristã no Brasil” e não mais “Casa de Apoio”.


Dentro do “Anexo”, foi construída uma Congregação cujos dias e horários dos Cultos são: Domingos às 18h30min, Terças às 19h30min e Quintas às 19h30min, além da Reunião de Jovens e Menores aos Domingos.

Os Cultos nesta Congregação, devido às condições de saúde dos nossos Irmãos, em tratamento, têm a duração de 01 hora, não têm testemunhos.

O “Anexo” dá apoio a Irmãos vindos de vários lugares: Rondônia, Mato Grosso, Sergipe, etc., além de Irmãos do Estado de São Paulo que residem próximo à Cidade de Barretos e, aos finais de semana, têm a possibilidade de visitarem suas famílias e retornarem no início da semana seguinte, para continuarem o tratamento. 


A permanência dos nossos Irmãos no “Anexo” ocorre durante o tempo que durar o tratamento no Hospital de Barretos; alguns permanecem 04 meses, outros 08 meses e não é raro casos acima de 01 ano.

Aos Irmãos e Irmãs que forem à Cidade de Barretos para tratamento no Hospital do Câncer devem agendar no “Anexo” uma solicitação para o alojamento.

Os Irmãos e Irmãs devem ter em mãos os documentos (encaminhamentos, etc.) que comprovem o tratamento de saúde, na Cidade. É importante, quando de localidades distantes, levar uma Carta de Apresentação. Ao final desta matéria deixaremos os telefones do “Anexo” para que a Irmandade possa se informar com mais detalhes. 


Como não há enfermeiros e/ou enfermeiras, os Irmãos e Irmãs, em tratamento, tem o direito a um acompanhante nas confortáveis acomodações do “Anexo”.

Para a assistência aos nossos Irmãos, além dos mais de 100 (cem) Irmãos voluntários o “Anexo” conta com 07 (sete) funcionários registrados sob o regime da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), com direito às férias e a gratificação natalina (popularmente conhecida como 13° Salário).

Entre os funcionários registrados do “Anexo” temos o pessoal da limpeza, um atendente noturno e uma engenheira de alimentos.

Para a manutenção do “Anexo” a Congregação não recebe doação e nem subvenção (auxílio monetário concedido pelos poderes públicos) de nenhum órgão público, ou seja, este trabalho depende, exclusivamente, da nossa Irmandade. 


Aos Irmãos e Irmãs que desejarem ajudar diretamente ao “Anexo”, com contribuições, informamos que há uma conta bancária própria que poderá ser fornecida através de seus telefones.

Para que a Irmandade possa se informar com mais detalhes sobre todos os assuntos relevantes desta importante Obra Social da Congregação Cristã no Brasil basta ligar para o “Anexo”, através dos telefones: (017) 3325-4855 begin_of_the_skype_highlighting (017) 3325-4855 end_of_the_skype_highlighting ou (017) 3323-3898 begin_of_the_skype_highlighting (017) 3323-3898 end_of_the_skype_highlighting.

Conheça um pouco sobre o Hospital de Câncer de Barretos:

“Na década de 60, o único hospital especializado para tratamento de câncer situava-se na capital do Estado de São Paulo e os pacientes que apareciam no Hospital São Judas de Barretos com a doença, eram em sua maioria, previdenciários de baixa renda com alto índice de analfabetismo. Por isso tinham dificuldades de buscar tratamento na capital, por falta de recursos, receio das grandes cidades, além da imprevisibilidade de vaga para internação.

Em 27 de novembro de 1967, foi instituída a Fundação Pio XII e, conforme memorando 234, de 21 de maio de 1968, assinado pelo Dr. Décio Pacheco Pedroso, diretor do INPS (Instituto Nacional de Previdencia Social) passou a atender pacientes portadores de câncer. 



Este pequeno hospital contava com apenas quatro médicos Dr. Paulo Prata, Dra. Scylla Duarte Prata, Dr. Miguel A. Gonçalves e Dr. Domingos Boldrini. Eles trabalhavam em tempo integral, dedicação exclusiva e caixa único permitindo um tratamento eficiente aos pacientes. Esta filosofia de trabalho promoveu o crescimento da instituição.


Devido à grande demanda de pacientes e o velho hospital não comportar todo crescimento, o Dr. Paulo Prata, idealizador e fundador, recebeu a doação de uma área na cidade e propôs a construção de um novo hospital que pudesse responder as crescentes necessidades.

No ano de 1989, Henrique Duarte Prata, filho do casal de médicos fundadores do hospital, abraça a idéia do pai e com a ajuda de fazendeiros da cidade e da região constrói a primeira parte do projeto, o pavilhão Antenor Duarte Vilela, onde funciona o ambulatório do novo hospital, inaugurado em 6 de dezembro de 1991. 


Dando seqüência ao projeto que foi ganhando grandes proporções com a ajuda da comunidade, de artistas, da iniciativa privada e com a participação financeira governamental, outras áreas do hospital foram construídas para atender via SUS aos pacientes com câncer que ali chegassem.


Diante dos serviços prestados aos pacientes de todo país, o ministério da saúde reconheceu o Hospital de Câncer de Barretos como o melhor prestador de serviços entre os 6.530 hospitais públicos e particulares avaliados conferindo o prêmio Qualidade Hospitalar 2000. 


Hoje, o hospital com 200 médicos (trabalham em tempo integral e dedicação exclusiva) e mais de 1800 funcionários, atende 1342 municípios de 27 estados do Brasil com 3.000 atendimentos por dia sendo 100% via SUS (não pagam absolutamente nada), com 6.000 refeições diariamente.


Está equipado com os mais sofisticados equipamentos necessários para prevenção, diagnóstico e tratamento, contando com uma equipe médica altamente qualificada e multidisciplinar. Para acolher aos pacientes que não podem se hospedar em hotel, o hospital mantém 13 alojamentos com toda infra estrutura para mais de 650 pessoas (pacientes e acompanhantes), sendo 02 infantis.





Apesar do déficit mensal em torno de R$ 4.200.000,00 (Quatro milhões e duzentos mil reais), o hospital mantém suas portas abertas graças ao apoio e a solidariedade de inúmeras cidades que se organizam para dar as condições financeiras que a instituição necessita. Salientamos também que artistas, iniciativa privada e mais recentemente a classe política, tem contribuído para que se possa devolver esperança de vida a todos que o procuram.” 

Fonte:  email recebido de um irmão amigo meu.

9 comentários:

Anônimo disse...

GOSTARIA DE SABE COMO FASO PARA CONSEGUIR UM FAVA AI NA CASA DE APOIO ,UM GRANDE ABRAÇO


ROMMERYTO@HOTMAIL.COM

Abner B. Gonçalves disse...

Irmão, o tel é 17-3321-6600 fica com Deus!

Anônimo disse...

o telefone da casa de apoio é (17) 3325-4855

Anônimo disse...

Eu já estive na casa de apoio. Fui acompanhar minha mãe. é uma obra magnifica e sem explicação. Só Deus para pagar em bênçãos o que os irmãos fazem pelos pequeninos.

Anônimo disse...

Sou formada como Assistente Social gostaria de saber se a parte social o trabalho é voluntario ou é remunerado.

Thais Marques disse...

Boa noite, minha avó paterna está internada ai em Barretos- SP em fase terminal, meu pai quer ir ver a mãe, porém não temos condições financeiras de pagar um hotel ou pousada, estou então buscando um lugar seguro onde ele e mais um irmão possa passar dois ou três dias, por favor preciso de uma resposta urgente. Se eles puderem se hospedar ai preciso saber até amanha anoite. Desde já muito obrigada.

Abner B Gonçalves disse...

Thais Marques, apdd. Ligue para os telefones (017) 3325-4855 (017) 3325-4855 ou (017) 3323-3898 (017) 3323-3898.

Maria de Lourdes Carvalho Figueiredo disse...

Pois bem, meu pai está com cancer ele é da Congregação ( praticamente a vida inteira), hoje lutamos e não conseguimos dar a ele a qualidade de vida merecida já que ele tem um câncer antes (07 anos) benigno já alastrado no corpo , não existe muito o que fazer. Os filhos precisam lutar para a sobrevivencia e quando a doença bate a porta ...todos desaparecem ( ele...( meu pai) é um paciente agressivo e estamos a procura de um lugar que ele sinta bem ...se tiver hoje um ASILO da Congregação que possa recebe-lo eu gostaria de saber . Estamos em desespero...pois não sabemos como cuidar dele sem feri-lo mais ou até magoa-lo ...PRECISAMOS DE AJUDA!!

Unknown disse...

Por favor o número
Dá conta para fazer um depósito para ajudar nas despesas .